« mar
2023
»
dom
seg
ter
qua 1
qui 2
sex 3
sáb 4
dom 5
seg 6
ter 7
qua 8
qui 9
sex 10
sáb 11
dom 12
seg 13
ter 14
qua 15
qui 16
sex 17
sáb 18
dom 19
seg 20
ter 21
qua 22
qui 23
sex 24
sáb 25
dom 26
seg 27
ter 28
qua 29
qui 30
sex 31

Login

Newsletter

Receba a nossa newsletter, preenchendo o campo abaixo com o seu e-mail.

Evento completo

07 Mai

Encontros sobre Experiências Culturais: A certificação HERITY

Museu Nacional de Arte Antiga

Encontros sobre Experiências Culturais: A certificação HERITY
A certificação HERITY:
Uma abordagem da
gestão do Património democrática e universal
 
 
|7 maio 2019 | 15:00 |
Museu Nacional de Arte Antiga

 

 

 

Orador:

Jorge Rodrigues
(Coordenador nacional HERITY, UNESCO; Museu Calouste Gulbenkian)

Comentador:

Paulo Pereira

(FAUL)

 



Jorge Rodrigues
Licenciado em História pela Universidade de Lisboa, Mestre e Doutor em História da Arte (Medieval) pela F.C.S.H. - U.N.L., professor de História da Arte na Universidade Nova de Lisboa de 1993 a 2017 e conservador das colecções de Arte Antiga, Medieval (Islâmica e Europeia), Arménia e Japonesa (estampas) do Museu Calouste Gulbenkian (na Fundação desde 1989).

Especialista em Arte Medieval (arte Românica e da Alta Idade Média), com várias publicações sobre Arte Medieval e Moderna (também sobre Arte das Missões Jesuíticas da América do Sul e do Norte Alentejano).

Participação no projecto da Rota do Românico do Vale do Sousa, promovido pela CCRDN, 2004-2007, como historiador da Arte (definição do programa) e como formador (pós-graduações em parceria com a Universidade Fernando Pessoa, Porto). Professor convidado na Universidade Federal de Ouro Preto (Brasil) e UAEU (Emirados Árabes Unidos).

Coordenador nacional HERITY, da UNESCO, desde Março de 2008, tendo realizado certificações em Florença (Itália: Santa Maria Novella, San Marco, Santa Croce/Cappella dei Pazzi e Santa Maria del Carmine/Cappela Brancacci), San Galgano (Tuscânia, Itália); Nápoles (Itália: Santa Chiara, Museus Arqueológico Nacional e da Universidade Federico II, Pio Monte della Misericordia e Tomba di Virgilio); em Vilnius, Lituânia (Universidade de Vilnius) e em Portugal (22 bens culturais no Médio Tejo).


Paulo Pereira
Historiador de Arte. Professor auxiliar da FAUL. Vice-Presidente do IPPAR entre 1995 e 2002. Dirigiu a História de Arte Portuguesa, em 3 vols, do Círculo de Leitores e publicou diversas obras, entre as quais Arte Portuguesa. História Essencial (2009) e Decifrar a Arte Portuguesa (6 vols, 2014).


Voltar à listagem